3 Dicas de Alimentação Saudável no Verão

blog_1011

As altas temperaturas do verão provocam uma perda considerável de água e sais minerais que são essenciais ao corpo. Tanto para quem quer se sentir bem com o clima quente, quanto para quem quer melhorar o condicionamento físico durante a estação, separamos algumas dicas valiosas sobre alimentação.

  • Mantenha uma dieta leve: procure consumir alimentos ricos em água como frutas e verduras.
  • Evite alimentos gordurosos e excesso de sal: alimentos gordurosos dificultam a digestão e o excesso de sal pode causar a retenção de líquidos
  • Hidrate-se: não espere sentir sede para tomar água. Lembre-se de ingerir em média 2 litros de água por dia e evite refrigerantes e sucos industrializados, optando por sucos naturais.

Nada melhor do que passar o verão curtindo o clima de melhor forma e com a saúde em dia!

 

Alergias na Primavera

blog_1710

Conhecida como “estação das flores”, a primavera, que começou no dia 23 de setembro, é curiosamente ligada ao aparecimento de diversas reações alérgicas em algumas pessoas. Mas porque isso acontece? É o que vamos explicar.

Além do fator da polinização e reprodução das flores nessa época do ano, as mudanças de temperaturas características da estação contribuem para que as crises de rinite, bronquite, sinusite e asma tenham evidência. Como percebido, o sistema respiratório é o principal afetado.

Sendo potencializador dos sintomas das alergias, o aumento da quantidade de fungos e ácaros pode debilitar ainda mais as pessoas que já são alérgicas. Então, fique de olho nos principais sintomas dessas alergias e procure tratamento:

  • Corrimento e constipação nasal;
  • Tosses e espirros;
  • Olhos avermelhados e lacrimejo;
  • Dificuldade para respirar.

Caso você apresente alguns desses sintomas ou desconfortos, procure seu médico de confiança e se prepare para as próximas primaveras.

Dicas para um emagrecimento saudável

blog_2908

O sobrepeso é um fator incômodo para muitas pessoas e, dependendo do nível, pode acarretar sérios problemas de saúde, como a obesidade, diabetes, hipertensão, depressão, entre outros. Logo, manter uma alimentação balanceada e praticar exercícios físicos com frequência ainda é a melhor pedida no quesito emagrecer com saúde. Ao contrário do que diz o senso comum, dietas muito restritivas não auxiliam na perda de peso.

Por isso, hoje separamos algumas dicas para ajudar no processo de criação de novos hábitos em prol da sua saúde.

Diminua o consumo de açúcar: refrigerantes, doces, massas e pães possuem grande quantidade de açúcar e quando consumido em excesso se transforma em gordura localizada geralmente da barriga.

Opte pelo natural: não tem erro! coma frutas, verduras e legumes durante suas refeições.

Coma sem pressa: se você comer devagar, dará mais tempo para entender a saciedade do seu corpo e muitas vezes, diminuir consideravelmente a quantidade de alimentos ingeridos por refeição.

Coma várias vezes ao dia: assim você come menos e melhor, evitando ficar com muita fome.

Hidrate-se: beba em média 2 litros de água ao longo do dia, assim você ajuda o seu organismo a se manter ativo e mais acelerado.

Percebeu como é simples começar a cuidar da sua alimentação? Que tal testar essas dicas ao longo de mês? Você consegue! Procure um profissional nutricionista e saiba como você pode ir além.

Dicas para cuidar do Coração

blog_1508

O coração é o músculo mais importante do seu corpo e, por isso, deve-se tomar certos cuidados para que ele seja saudável ao longo da sua vida. O Ministério da Saúde estima que mais de 30% dos óbitos no Brasil são provocados por doenças cardiovasculares, ou seja, de complicações como infarto ou AVC.

Para evitar o aparecimento de doenças relacionadas ao coração, é importante manter uma rotina com cuidados simples mas que podem ser essenciais na prevenção da Hipertensão, por exemplo. Aqui vão algumas dicas:

Mantenha os exames em dia: fazer um check-up anual e manter os exames médicos em dia, bem como realizar acompanhamentos com seu médico é uma maneira de evitar que se tenha algum problema ou diagnosticar precocemente alguma doença e tratá-la. 

Diminua o sal: o consumo excessivo de sódio na dieta é um dos principais fatores que contribuem para o aparecimento de doenças cardiovasculares.

Cuide da saúde bucal: bactérias oriundas da falta de cuidados com a higiene bucal podem chegar até o seu coração podendo ocasionar diversas doenças cardíacas, como a endocardite bacteriana.

Faça exercícios físicos: manter um estilo de vida ativo é sempre uma boa pedida, além de combater a depressão, manter-se em movimento estimula a circulação sanguínea por todo o corpo. 

Controle o seu peso: a obesidade é um fator de risco gravíssimo em relação à doenças cardiovasculares, isso porque ela geralmente está relacionada a outras patologias como diabetes e colesterol alto.

Durma bem: noites bem dormidas podem te garantir maior qualidade de vida e evitar que você se estresse tanto no dia a dia, diminuindo as chances de ataque cardíaco.

Cuide do seu coração! Adeque a sua rotina aos cuidados necessários para que você esteja cada dia mais disposto para viver o melhor da sua vida! Esperamos ter te ajudado. Na dúvida, sempre procure um médico de confiança.

Os Avanços da Videocirurgia no Brasil

blog_0208

A Videocirurgia é também conhecida como Videolaparoscopia ou Cirurgia Minimamente Invasiva. Basicamente consiste em uma técnica na qual o acesso cirúrgico se dá através de um determinado tipo de incisão no abdome.

Esse tipo de procedimento existe há mais de 30 anos no Brasil, tornando os procedimentos cada vez menos traumáticos e possibilitando recuperações mais rápidas para os pacientes. A videocirurgia também proporciona maior segurança ao paciente pois possui menor exposição ao ambiente hospitalar, contribuindo para a diminuição da taxa de infecções.

Os avanços técnicos nessa área estão próximos aos avanços tecnológicos de câmeras e equipamentos relacionados à vídeos cirúrgicos, pois em conjunto, podem-se ser testadas novas maneiras de executar as ações cirúrgicas com imagens cada vez mais nítidas.

O Dr. De Carli foi vice-presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Videolaparoscópica entre 2005 e 2008 e, depois, presidente da mesma Sociedade entre os anos 2007 e 2008. Representando e incentivando a evolução desses procedimentos no Brasil. Ficou curioso para saber como esse tipo de procedimento pode ajudar a sua saúde? Marque uma consulta com o Dr. De Carli. 

Benefícios do Chimarrão

blog_2907

Queridinho dos gaúchos, o famoso chimarrão, é uma bebida típica do Rio Grande do Sul feita a base de erva-mate podendo ser consumida em qualquer estação do ano e sendo aceita socialmente em várias ocasiões na cultura gaúcha. Além da tradição, essa bebida traz alguns benefícios para a saúde e elencamos alguns deles para que você aproveite seu “mate” com sabedoria!

Ajuda a esquentar o corpo: no sul do país as temperaturas caem drasticamente no inverno, então, tomar um chimarrão ajuda a esquentar o corpo para encarar a “friaca” logo pelo manhã.

Possui efeito diurético: por ser servido quente, o mate amargo é um ótimo diurético, auxiliando quem sofre de retenção de líquidos.

Auxilia na digestão: combate a constipação, já que possui propriedades digestivas e até mesmo laxativas.

Oferece antioxidantes: o chimarrão possui, em sua composição, fenólicos que lutam contra o envelhecimento celular.

Elimina a fadiga: a erva-mate possui estimulantes como a cafeína, proporcionando mais energia!

Te deixamos com vontade de tomar aquele “chimas”? Então aproveite e mantenha a tradição do sul! Agora, sabendo um pouco mais sobre suas ações benéficas a saúde. Lembre-se de que qualquer excesso pode prejudicar sua saúde, portanto, aconselhamos um consumo com moderação.

*Alguns desses benefícios não são comprovados cientificamente.

Inverno aumenta o risco de infarto

blog_1107

Com a chegada da estação mais fria do ano, nossa atenção é focada em evitar gripes, resfriados ou alergias. Mas o que poucos sabem, é que no inverno o risco de infarto aumenta cerca de 30% em temperaturas médias abaixo de 14ºc. Isso ocorre porque em temperaturas baixas nosso corpo ativa mecanismos para nos proteger do frio, fazendo com que hajam eventuais descargas de adrenalina, podendo assim, ocasionar infartos em pessoas com predisposição.

Geralmente, idosos ou portadores de doença na artéria coronária são os mais propensos à infartos devido à intensidade do frio. Para evitar essa situação, é necessário manter uma alimentação equilibrada, mantendo a dieta indicada por um profissional da saúde; agasalhar-se de acordo com o clima para manter a temperatura do corpo adequada; e controlar o excesso de peso.

Cuidados com a saúde em geral, alimentação e controle de peso devem nos acompanhar independente do estação do ano, mas esperamos que com essas dicas você consiga se organizar para manter sua rotina da maneira mais saudável  possível.

 

Previna-se de Gripes ou Resfriados

blog_04.07

Para passar o inverno curtindo o que há de melhor na estação é preciso estar com disposição e energia para compartilhar esses momentos com quem mais se ama. Mas, como já se é de senso comum, no inverno as gripes e resfriados são muito recorrentes.

Tendo isso em mente, é extremamente importante que você e sua família estejam com as suas imunizações em dia, ou seja, que tenham tomado a vacina da gripe este ano. Outro cuidado fundamental é manter-se hidratado, bem alimentado e fazendo exercícios físicos regularmente.

A higienização das narinas auxilia na prevenção de gripes e resfriados e deve ser feita diariamente. Além disso, passar álcool gel nas mãos, não compartilhar itens de uso pessoal como talheres, copos e toalhas, manter ambientes bem ventilados e evitar situações de estresse, também colaboram muito para a prevenção.

Neste inverno, não se deixe abater por conta de gripes ou resfriados, cuide-se bem e aproveite os dias frios.

5 Motivos para Fazer Exercícios no Inverno

blog_26.06

Com a chegada da estação mais fria do ano, a tentação de diminuir (ou até mesmo eliminar) a rotina de exercícios do dia a dia fica cada vez maior. Mas o que poucos sabem é que realizar exercícios físicos durante o inverno carrega benefícios um pouco diferentes que, nós esperamos, te ajudem a decidir de vez continuar com os exercícios.

Separamos 5 motivos para você:

  1. Você perde mais calorias: como o corpo necessita gastar mais energia para manter a temperatura corporal adequada às baixas temperaturas, quando você faz exercícios em um clima frio, a tendência é que você gaste mais calorias do que normalmente.
  2. Combate a depressão: com os dias chuvosos e cinzas, dificilmente saímos de casa sem que seja extremamente necessário. Então para que sua rotina continue saudável, fazer exercícios ao ar livre, é uma ótima opção para evitar a depressão e interagir com outras pessoas.
  3. Ajuda a eliminar as calorias extras ingeridas durante a estação: com a chegada do inverno, é comum que sejam ingeridas mais calorias do que o normal em nossa dieta, então, para evitar o acúmulo de gordura em excesso, é importante continuar com o seu treino.
  4. As academias estão quase vazias: justamente pela desistência em realizar exercícios físicos durante o inverno, as academias e praças estão praticamente vazias! Uma ótima notícia para quem deseja completar sua rotina de treino de forma tranquila e sem se preocupar em revezar equipamentos.
  5. O treino é mais confortável: em climas frios, a tendência é que se transpire menos, logo, o treino se torna muito mais confortável para quem tem timidez ou problemas de transpiração mais evidente.

Esperamos que essas dicas te inspirem a não desistir de sua rotina de exercícios físicos durante a estação mais fria do ano! Cuide da sua saúde.

Dicas para Combater a Cefaléia

blog_02.05

Você sabe o que é cefaléia?

Cefaléia é a famosa “dor de cabeça”, um sintoma comum que atinge a maioria das pessoas. Existem algumas condições que podem ocasionar esse incômodo, por exemplo: estresse, problemas oculares, desordens metabólicas, problemas vasculares, entre outros.

Porém, em alguns casos, é possível tentar prevenir o aparecimento da cefaléia e para isso, selecionamos algumas dicas:

  1. Tentar relaxar, utilizando técnicas como massagens e banho quente.
  2. Manter uma alimentação saudável, evitando ingerir comidas gordurosas, frituras e excesso de bebida alcóolica.
  3. Evite a automedicação. Se você possui crises de cefaléia com frequência, procure orientação médica.
  4. Durma bem. O sono regular evita que você se estresse e mantém o seu metabolismo funcionando de forma adequada.

É comum nos depararmos com a dor de cabeça no nosso dia a dia, mas com pequenos cuidados, podemos combater essa sensação incômoda.