Participação no IRCAD – Julho 2016

Nos dias 20 e 21 de julho de 2016,  o Dr. De Carli participou do IRCAD América Latina, que está completando 5 anos, teve a edição deste ano acontecendo em um dos maiores centro de treinamento em videolaparoscopia do mundo, em São Paulo, Barretos.

O Dr. De Carli foi um dos instrutores de treinamento em cirurgia bariátrica por videolaparoscopia.

O doutor conta que existe três sedes deste centro de treinamentos no mundo,  um em Strassburg na França, outro no Japão e em Barretos no Brasil. O que o deixa muito feliz de ter participado desta edição do IRCAD.

Confira algumas fotos:

Gastrite Nervosa

A gastrite nervosa é uma realidade para homens e mulheres, nas mais variadas idades. Porém, segundo especialistas, os casos de gastrite nervosa cresceram nos últimos anos.

“Cerca de 7 em cada 10 pacientes que procuram o consultório têm gastrite. Entre os jovens, o número sobe para 9. E a maioria é de mulheres”, diz gastroenterologista Ricardo Fernandez Fittipaldi na o portal M de Mulher.

Os cuidados com a alimentação e a saúde são essenciais para a prevenção de uma gastrite, porém o que mais faz a inflamação no estomago surgir é o estresse, a ansiedade, o nervosismo e a má alimentação.

A grande diferença entre a gastrite “tradicional” e a gastrite nervosa é que a primeira afeta a mucosa do estômago e origina uma inflamação que pode até evoluir para uma úlcera. A gastrite nervosa não causa nenhuma alteração nas paredes estomacais. Se os exames não detectam nada de anormal, mas o paciente se queixa de dor na boca do estômago, o médico pode concluir que se trata de gastrite nervosa.

As causas para os dois males também são diferentes: a gastrite clássica pode ser provocada por uma bactéria, a Helicobacter pylori, pelo uso prolongado de alguns medicamentos ou pelo consumo de bebidas alcoólicas. Já a gastrite nervosa está associada a fatores emocionais, como estresse.

gastrite nervosa sintomas dr luiz de carli obesidade videolaparoscopia porto alegre

Alguns dos sintomas da gastrite nervosa são: Sensação de saciedade antes do término da refeição; Má digestão; Sensação de que a comida não está sendo digerida; Enjoos;  Vômitos; Estomago e esôfago queimando; Vontade de arrotar; Dor no abdômen.

O tratamento para tal está muito ligado ao motivo que desencadeou uma gastrite nervosa, ou seja, precisamos aprender a identificar o gatilho que leva ao problema. Aqueles que enfrentam situações de queimação no estomago, de azia, má digestão e de dores necessitam cortar ambientes estressantes e viver com menos ansiedade.

Reveja também a sua alimentação, alimentos gordurosos, frituras, chocolates e condimentos devem ser evitados. Dê preferência por legumes cozidos e a carnes grelhadas, por exemplo. Além disso, reduzir o consumo de álcool e cortar o cigarro são medidas que podem auxiliar no tratamento.

Menos assim, não deixe de consultar um médico para investigar a fundo os sinais do seu corpo.

 

Alimentos ricos em açucares

Engane-se quem acha que os açucares são encontrados apenas em doces.

Encontramos açucares em pequena e grande quantidade em alimentos como pão, batata, feijão e bolachas simples, por exemplo, mesmo sendo fontes de carboidratos, também são consideradas fontes de açúcar.

alimentos ricos em açucar obesidade dr. luiz de carli porto alegre

Mesmo assim, vemos esses alimentos em dietas de emagrecimento porque também trazem nutrientes importante par ao corpo, ao contrário dos sorvetes, bolos e biscoitos recheados.

A cautela com os alimentos ricos em açúcar deve ter atenção de todas as pessoas, sem exceção, mas principalmente devem ser evitados em diabéticos e indivíduos com história de diabetes na família.

A quantidade indicada de açúcar por dia é de 25 g. O mais difícil em não ultrapassar essa quantidade recomendada são os alimentos industrializados, que na sua totalidade, trazem açúcar em sua composição. E por sua vez, são ricos em gorduras, como quindim, brigadeiro, leite condensado, bolo e lasanha. Por isso, além de favorecerem o ganho de peso e descontrolarem o diabetes, ainda aumentam o colesterol, os triglicerídeos e o risco de aterosclerose, obesidade e infarto.

Existem vários tipos de açucares, a sua diferenciação está na estrutura química, modificando seu nome e função no organismo. Conheça alguns deles:

açucares blog dr de carli

Dr. De Carli participa da LAF Masters, no Texas

O Dr. Luiz De Carli participou na semana passada, nos dias 27 e 28 de junho, do LAF Masters, em Houston no Texas.

Um dos maiores eventos internacionais da área, reuniu 150 cirurgiões bariátricos da América Latina no Texas Medical Center, considerado o maior centro de Medicina e Pesquisa do Mundo. Um complexo hospitalar e universitário com 106.000 funcionários, com hospitais do nível de MD Anderson Cancer Center, Baylor Center Hospital. Além disso conta com várias universidades tais como Texas University Center e Baylor College of Medicine.

Foram 2 dias de um fórum sobre cirurgia bariátrica e metabólica, onde o Dr. De Carli pode vivenciar como cirurgiões destacados internacionalmente, como o Dr. Alfons Pomp, chefe do serviço de cirurgia bariátrica do Mount Sinai Hospital em New York e o Dr Francesco Rubino, o maior cirurgião e pesquisador sobre cirurgia metabólica (cirurgia do Diabete Melitus), chefe do serviço de cirurgia bariátrica e metabólica do Kings College Hospital em Londres (Inglaterra).