Alimentação no inverno: por que comemos mais?

4

No inverno nosso corpo gasta mais energia para manter a temperatura estável e, para compensar essa perda energética, precisamos consumir mais calorias

Além disso, nesta época acontece uma diminuição na produção de serotonina, um neurotransmissor que promove a sensação de bem-estar. É o que explica Mauro Scharf, diretor médico e endocrinologista do Laboratório Frischmann Aisengart. “Para suprir esta sensação de tristeza e desânimo, a maioria acaba compensando com os alimentos”, reflete.

Um estudo realizado em Campinas (SP), que acompanhou 227 mil indivíduos entre 2008 e 2010 verificou que os níveis de colesterol “ruim” (LDL) aumentavam significativamente no inverno e diminuíam no verão. Entre as possíveis explicações para esse fato estão que, no inverno, ocorre:

 

  1. A mudança dos hábitos alimentares, com um aumento do consumo de alimentos gordurosos que podem elevar o colesterol “ruim”;
  1. A diminuição da prática de atividade física, já que no frio as pessoas tendem a se exercitar menos;
  1. A diminuição da exposição ao sol, que diminui os níveis de Vitamina D, podendo afetar indiretamente os níveis de colesterol.

Todos esses comportamentos acabam se enquadrando como fatores de risco para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares e diabetes.

 

Para evitar esses problemas relacionados à chegada do inverno devemos tomar alguns cuidados especiais. Várias estratégias podem ser utilizadas para se sair bem na estação mais fria do ano.


–  Não perca o hábito de comer legumes e verduras, se a salada fria não é uma opção, você pode tomar na sopas.

– Se for optar por uma bebida quente, escolha chás e tente evitar o consumo excessivo de chocolate quente.

 

– Para prolongam a sensação de saciedade uma boa opção são as bebidas à base de colágeno.

 

– Não deixe que o frio te intimide, mesmo que difícil, continue sua rotina de exercícios.

– Reduza o consumo de derivados do leite, como creme de leite, queijos amarelos e manteiga.

 

–  Cuide da hidratação. Muitas pessoas no frio acabam deixando de beber água.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *