Síndrome de Dumping: O que é? Como evitar?

Você já ouviu falar sobre Síndrome de Dumping?

Hoje trazemos algumas dúvidas e respostas rápidas sobre esse possível empecilho que pode ocorrer durante o pós-operatório da Cirurgia Bariátrica. Confira:

Como se desenvolve a Síndrome de Dumping?
Apesar de não ser tão comum, ela pode ocorrer após o procedimento de Cirurgia Bariátrica, como o ByPass, e se dá devido ao rápido esvaziamento do estômago para o intestino durante o consumo alimentar.

Apesar do nome sério, a Síndrome de Dumping não é um problema grave e sua resolução consiste em uma rotina alimentar mais saudável e algumas mudanças simples na dieta.

Quais são os sintomas?
Os sintomas iniciais incluem náuseas, tonturas e vômitos logo após as refeições. Também é possível sentir dores abdominais e cólicas.

Como posso evitá-la no meu pós-operatório?
A Síndrome pode ser evitada com alguns ajustes básicos na dieta do paciente – que serão informados e indicados pelo Dr. durante as consultas de pré e pós-operatório.

Algumas formas de se prevenir incluem:
– Reduzir a ingestão de açúcares e carboidratos;
– Fracionar grandes refeições em pequenas porções menores mais vezes ao dia;
– Não ingerir líquidos durante as refeições.

Para tirar mais dúvidas e entender melhor sobre o procedimento de Cirurgia Bariátrica você pode agendar sua consulta!

Para receber mais conteúdo do blog, salve o link nos favoritos do seu navegador!

Como incorporar as fibras na alimentação?

Você sabia que a recomendação diária de consumo de fibras varia entre 25g a 38g e grande parte das pessoas só consegue ingerir até 17g? As fibras são essenciais para evitar cãibras, mal estar e até mesmo combater o diabetes.

Confira abaixo como incorporá-las na sua alimentação diária:

Enriqueça a alimentação diária
Que tal adicionar algumas sementes de chia ou linhaça no seu almoço? Ambos alimentos contém fibras e se misturam facilmente a qualquer prato, tornando sua absorção mais fácil!

Empane proteínas com mix de sementes
Outro uso das sementes é para empanar frangos e peixes. Triture as sementes no liquidificador e use para empanar sua proteína. Além de alimentos com muita fibra, você terá uma refeição deliciosa e especial!

Aposte nos pães com grãos integrais
Se você é do tipo que costuma sempre comer uma fatia de pão no café, busque investir um pouco mais em opções integrais e com grãos (para isso, leia os rótulos e confirme se são de fato integrais!).

Beba suco de frutas com casca
O consumo da casca de frutas é extremamente benéfico para a saúde. Ao bater o suco no liquidificador, tente adicionar alguns pedaços da casca junto. O sabor será quase imperceptível e a bebida se tornará muito mais saudável.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre o assunto, que tal incorporar as dicas na sua rotina?

4 Hábitos Alimentares para Emagrecer com Saúde

Quando decidimos perder peso, é comum recorrermos a formas rápidas e extremas para alcançar esse objetivo. Porém, as dietas restritivas podem prejudicar ainda mais o organismo e não proporcionar uma perda de peso como esperado.

Confira 4 hábitos alimentares para você emagrecer com saúde:

1. Não tenha medo de gorduras boas;
Muitas vezes, ao iniciar uma dieta, podemos recorrer a um corte total de gorduras e carboidratos. Evite os extremismos! Alimentos como azeite de oliva, abacate e chocolate amargo possuem nutrientes essenciais para a saúde e ainda ajudam na sensação de saciedade.

2. Atenção aos rótulos!
Um costume pouco adotado pela maioria dos brasileiros é o de parar e ler o rótulo dos produtos que estão consumindo. Alimentos com altos níveis de açúcar e sódio são prejudiciais para a saúde e colaboram para inchar o corpo. Por isso, fique atento!

3. Introduza legumes aos poucos;
Se você não está acostumado a comer grandes pratos de saladas ou legumes para as refeições, introduza-os aos poucos em pequena quantidade. Vai fazer um omelete para a janta? Que tal adicionar tomate e espinafre picado? A refeição ficará mais nutritiva e saudável.

4. Não esqueça das proteínas!
Frutas, verduras e legumes são alimentos ricos em nutrientes e vitaminas. Porém, uma dieta com falta de proteína pode causar fraqueza e aumentar ainda mais a fome durante o dia. Proteínas magras – como o frango e o peixe – são ótimas opções!

Gostou? Para receber mais conteúdo, salve o link do blog no seu navegador!

Possui alguma dúvida sobre o conteúdo do post? Entre em contato através dos nossos canais de atendimento.